ENSAIO ABERTO | Volume Morto – Coletivo Liquida Ação

VOLUME MORTO

A crise hídrica, deflagrada na região sudeste do país em 2013, foi a origem do processo de criação de Volume Morto que, sendo atravessado por muitas outras crises ambientais, sociais, econômicas e políticas desde então, desenvolveu diversas conexões entre performance, memória e montagem como via de acesso às reservas de água-vida. Passado e presente, arquivos pessoais e memória coletiva, objetos sem utilidade e registros factuais são sobrepostos em fragmentos cênicos baseados no tempo da urgência. A pesquisa corporal dos performers entra em jogo nesta investigação dramatúrgica sobre trânsitos, rupturas e fluxos de movimento entre diversas linguagens artísticas.

Dia 16 de Julho, Sábado, às 19h.

Gratuito

Local: LOFT

Classificação: Livre

Ficha técnica

Realização – Coletivo Líquida Ação

Direção – Eloisa Brantes

Performers – Eloisa Brantes, Mauricio Lima e Thaís Chilinque

Artista Sonora e Visual – Ana Paula Emerich

Iluminação – Larissa Cunha

Designer Gráfico – Evee Ávila

Direção de Produção – Cau Fonseca

Produtora

MITICA! Arte, Cultura e Comunicação LTDA-ME

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s