FESTIVAL MULHERES EMPREENDEDORAS

Título: Festival Mulheres Empreendedoras 

Linguagem: Dança e multilinguagens

Público alvo: Público em geral

Sinopse/Resumo: Festival Mulheres Empreendedoras é um encontro de artistas, artesãs, designers, produtoras, empresárias e demais mulheres que atuam ou querem atuar na área da economia criativa. O evento, que será realizado nos dias 7 e 8 de março de 2020, visa encorajar negócios e iniciativas de lideranças artísticas femininas, por meio de oficinas, mostras, feira, rodas de conversa e palestras. Valorizando empreendedoras, impulsionando seus negócios, questionando padrões e transformando realidades através da afirmação da diversidade.

Essa iniciativa surge da parceria entre Centro Coreográfico da Cidade do Rio de Janeiro e CIEDS, Centro Integrado de Estudos e Programas de Desenvolvimento Sustentáveis. O evento acontece para conectar a arte e o empreendedorismo, tendo como principal protagonista, mulheres que realizam, trazendo para a prática discussões e reflexões a partir desse lugar de fala, diante dos diferentes espaços que elas ocupam, sejam na carreira, na arte, na sociedade, e na relação com o seu próprio corpo.

 

SOBRE OS REALIZADORES

 

O Centro Coreográfico da Cidade do Rio de Janeiro foi inaugurado em 2004, sendo o primeiro da América Latina, com aproximadamente 4.000m², foi projetado para criação, produção, desenvolvimento, intercâmbio, estudo, apresentação, documentação, memória e difusão da dança. Localizado no bairro da Tijuca, foi restaurado e adaptado para atender as necessidades e particularidades da dança. Desde que foi criado, aposta na pluralidade e diversidade que esta arte possui, com o compromisso de fazer com que as atividades oferecidas atendam e contemplem um público variado, desde crianças, jovens, adultos, 3ª idade e pessoas com deficiência. Estas atividades estão voltadas para iniciantes, estudantes de dança e artes, pesquisadores e profissionais da dança e interessados em geral. Sempre com foco em temas relacionados à dança, corpo, movimento e seus desdobramentos, criando assim ações que se apresentam em forma de apresentações de espetáculos, oficinas e/ou workshops, palestras e/ou mesas redondas, exibições de filmes, congressos e/ou eventos, entre outros.

 

O Centro Integrado de Estudos e Programas de Desenvolvimento Sustentável – CIEDS promove soluções sociais que geram mais renda, mais saúde, melhor educação, maior confiança no futuro e, acima de tudo, prosperidade. Acreditamos que cada pessoa possui os saberes e os potenciais para mudar suas vidas e comunidades. Há mais de vinte anos tem alcançado resultados que mudaram a vida de milhares de pessoas, criando oportunidades para quem mais precisa. Fizemos tudo isso construindo redes de parceiros estratégicos comprometidos com um Brasil melhor para todos.

 

PROGRAMAÇÃO

SÁBADO – 07/03

09h30 às 16h10 | Credenciamento

Recepção

10h às 12h30 | Criando e gerindo negócios inovadores

Sala Multiuso

Release: Aprenderemos o que é a ferramenta de modelagem de negócios mais famosa na atualidade, o Business Model Canvas e como usá-lo de forma a criar e gerir um negócio, independente do porte e do segmento, com uma visão inovadora para o mercado consumidor e posicionando de forma estratégica mediante a concorrência. O tema será abordado de uma forma simples e abordaremos os assuntos de acordo com o cotidiano do segmento dos participantes.

 

Facilitador: Adriana Vale

Profissional de Inteligência de Negócios, especializada em Planejamento estratégico de Marketing, Vendas e BI, ex-executiva de multinacionais no Brasil e EUA, com mais de 20 anos de experiência. Co-autora de um projeto de CRM apresentado no Vale do Silício, Mestre em Gestão pela Hodges University, EUA. Mentora de startups de programas consagrados no mercado brasileiro e americano, professora de pós-graduação, keynote speaker, business advisor e innovation officer para empresas de todos os portes.

13h às 17h | Feira de empreendedoras com apresentações artísticas 

Loft 

Empreendedoras Confirmados:

  • Expositor 01 : Caroline Chic crochê ( Caroline Eulálio)

Confecção e venda de biquínis, moda feminina, acessórios e ecopads em crochê produzidos sob medida e sob encomenda, com linhas ecológicas e sustentáveis.

  • Expositor 02 : Flora Cosméticos ( Aline)

A Flora Cosmética Artesanal é uma empresa que produz cosméticos com matéria-prima vegetal pura, sem adição de derivados de petróleos e sem a realização de testes em animais. Os produtos são liberados para todas as idades.

  • Expositor 03: Thaís Ribeiro (Thais Ribeiro e Luiza Ferrari)

Design apaixonada pelo universo das mandalas, trabalha com customização e personalização de objetos, paredes e criação de quadros inspirados em mandalas e elementos da natureza. Trabalha com materiais como : Caneca, Prints, Mdfs, Marca páginas, Adesivos, Cadernos

 

  • Expositor 04: ColetivA DELAS  (Sophia Prado  e Karla Soares)

A ColetivA DELAS é um Hub criativo que atua desde 2016 para inspirar, conectar e gerar oportunidades profissionais para mulheres e LGBTs, através da produção de eventos, do audiovisual e do estímulo ao empreendedorismo feminino. Criamos redes de colaboração com o objetivo de alinhar ideias potentes e transformá-las em projetos que contribuam para a inclusão, a diversidade e a equidade de gênero. Estamos em desenvolvendo do FREELAS, uma plataforma online que conecta, de forma descomplicada e segura, quem deseja contratar serviços prestados por mulheres da economia criativa a essas profissionais. Nessa rede de estímulo ao empreendedorismo feminino, realizamos encontros para compartilhar experiências, incentivar parcerias e, coletivamente, desenvolver soluções criativas.

  • Expositor 05: Saranauê (Kora)
    A Saranauê é uma produtora de eventos culturais que trabalha fortalecendo as potências territoriais, incentivando o consumo, conectando os empreendedores e criando oportunidades para artistas periféricos.

 

*Essa expositora é dj, vai ficar tocando músicas enquanto não rola atividades da feira

  • Expositor 06: Moouve

Somos uma plataforma que visa criar empatia e movimentos para mulheres

Expositor 07: DNA

 

Atrações

  • 14h às 14h20 – Fala sobre o Faz Acessível com Bárbara Santos e Isadora Machado

 

Gestado em 2019, a partir das vivências e experiências profissionais de Bárbara Azevedo e Isadora Machado, na área da inclusão, o Faz Acessível é uma plataforma digital que oferecerá um marketplace composto por serviços e produtos especializados para incluir públicos socialmente excluídos ou considerados fora dos padrões vigentes.

Como por exemplo, pessoas com deficiência, pessoas idosas, pessoas pretas, entre outras.

Nosso objetivo é ser uma comunidade-referência para todos que desejam mais qualidade e facilidade em suas experiências de consumo, venda e produção, ao acessar pessoas, produtos e serviços inclusivos.

  • 14h30 às 15h30 – roda de crochê (Crocheteiras: Caroline Eulálio, Inês de Castro, Lara Martins)
    Traga sua linha e agulha, vamos realizar um grande encontro aberto no qual costuraremos, ensinaremos e aprenderemos o trabalho artesanal enquanto bordarmos papos sobre “Corpo livre: aceitando quem eu sou e como sou”.
    Participantes: Bianca Roxo, Catarina de Pinho Oliveira, Débora Carvalho Sarinho, Hercília Bispo Alves, Zaira Cabral Portugal
  • 15h30 às 15h40 – Fala sobre o Coletiva Delas e Freelas ( empresa de uma das expositoras)
    Uma fala para falar o que é a plataforma e convocar a todas a conhecer mais indo ao stand

 

  •  16h às 16h40 – Encontro de mulheres do futebol

O encontro visa reunir mulheres que têm curiosidade ou que já praticam e amam o esporte mais amado não só dos brasileiros como também das brasileiras! Bateremos um papo sobre a potência do futebol e da torcida feminina, a necessidade de uma maior divulgação e patrocínio para as esportistas, o acesso das mulheres nos estádios e nas profissões relacionadas ao esporte, e acima de tudo, o respeito e admiração pelo que já foi conquistado.

O papo será sendo  mediado pela por representantes da DNA
        

13h às 15h | Atividades de capacitação

Estúdio 1 – Dança Contemporânea Popular

Release: Oficina de dança para despertar consciência e expressão através de princípios básicos de movimento, ritmos brasileiros e jogos de improvisação. Esta vivência oferece espaço para partilha, encontros e ativação da sabedoria pessoal de cada sujeito a partir de uma abordagem ecológica de educação corporal.

Facilitadora: Morena Paiva

Artista da cena, performer e educadora corporal, licenciada em Dança pela UniverCidade. Professora de dança e expressão corporal na Escola Técnica Estadual de Teatro Martins Penna (FAECTEC/RJ).  Carioca de Irajá, zona norte do Rio, colabora com artistas, ativistas e mobilizadores locais e estrangeiros em projetos educativos e culturais, compartilhando saberes do movimento há 15 anos.

 

Midiateca – Gestão de Negócios

Release: Na gestão de um negócio é imprescindível que o empreendedor tenha uma visão geral das áreas da empresa e uma capacidade de analisar a organização de forma estratégica.
Neste workshop abordaremos: Os elementos e etapas essenciais para a estruturação de uma área comercial que seja centrada no cliente; Como ter sucesso na gestão estratégica de pessoas e na elaboração da estrutura organizacional do seu negócio; Que indicadores de desempenho são relevantes para a análise do seu negócio, O Marketing como um apoiador: como gestar essa área e as inúmeras informações que vêm a partir dele; Como elaborar de um planejamento financeiro; O que são os planejamentos estratégico, tático e operacional e a importância desses planejamentos para o seu negócio.

A facilitadora levará ferramentas de gestão comercial para aplicar de forma prática em seu negócio.

Facilitadora: Viviane Suhet

Pós-graduada em Gestão e Administração pela Harvard University, MBA em Varejo pela USP, MBA em Marketing Digital pela Facha e Graduação em Comunicação Social pela PUC|RJ.

Experiência consolidada no varejo e na indústria da moda, ocupando posições de liderança em empresas nacionais e marcas internacionais, nas áreas de vendas, marketing, estratégia, compras e direção executiva de negócios.

 

Saiba mais sobre a Viviane Suhet: https://www.linkedin.com/in/vivianesuhet/

15h às 17h | Atividades de capacitação

Estúdio 2 – Workshop de Diversidade do Corpo na Dança – A arte de dançar afro

Release: Reescrever conceitos de uma estética que nos foi negada a todo instante e que sempre esteve presente em nossos CORPOS trazendo como fio condutor, a presença da mulher como símbolo de poder sócio religioso e os valores da fertilidade.

 

Facilitadora: Eliete Miranda

Atua desde 1986 rememorando a tradição e com foco na manutenção cultural de matriz africana no Brasil. Conta com um programa de formação, capacitação e treinamento, por meio da formação de polos em diferentes lugares. Eliete deseja que a dança afro seja reconhecida mundialmente e que o corpo negro seja entendido como um ato político, sempre em busca de sua ancestralidade e sua contemporaneidade. Que possamos recriar símbolos da memória trazendo dos nossos ancestrais a essência do movimento.

 

Midiateca – Whorkshop de Gestão de Pessoas
Release: Conversa sobre perfis comportamentais no trabalho, como identifica-los e promover uma comunicação mais assertiva entre a equipe.

Facilitadora: Lívia Fercozzi

Psicóloga formada pela Universidade Federal Fluminense; Mestre em Psicologia do trabalho e das organizações pela Universidade de Bruxelas, na Bélgica; Pós Graduada em Psicologia Analítica pelo Instituto Junguiano do Rio de Janeiro; Membro da Sociedade Brasileira de Coaching (SBCoaching) e especialização em Coaching de Carreira pelo IMSCoaching; Formação em Programação Neurolinguística (PNL) e ThetaHealing. Tendo experiência de 9 anos como professora do módulo de Gestão Organizacional com foco em Pessoas do Shell Iniciativa Jovem do CIEDS e 13 anos de Recursos Humanos com foco em desenvolvimento e gestão de talentos, como também experiência em empresas de grande porte, multinacionais e ONGs.

 

 

 

 

14h às 16h | Exibição de produção audiovisual com rodas de conversa sobre os temas abordados

Sala Multiuso

Debates conduzidos pelo olhar de mulheres marcantes no cenário das artes do Rio de Janeiro na condução da criação de trabalhos concebidos entre as linguagens do cinema e da dança.

Nomes confirmados: Katya Gualter – Diretora da Escola de Educação Física e Desporto da UFRJ. Doutora em Artes da Cena pela UNICAMP e Mestre em Tecnologia Educacional pela UFRJ. Apresentará parte da pesquisa “Poéticas no cotidiano sob olhares de Pomba-Gira: experimentações corpo-câmera”.

Taíla Borges: Estudou  Eventos e Produção Cultural na Escola Técnica Estadual Adolpho Bloch, Dança na UFRJ e Cinema na Escola Darcy Ribeiro. Na área do audiovisual produziu videodanças, videomappins e alguns curta-metragens, especializando-se também em videografismo e estudos cinematográficos.

Andressa Hygino: mulher negra e periférica. Mora no bairro Parque Anchieta – zona norte do Rio de Janeiro. É bacharel em Cinema e audiovisual (UFF) e mestranda em filosofia (PUC-Rio). Tem formação complementar em Artes Visuais (EAV – Parque Lage) e fotografia (CUFA– Madureira). Atuou como Assistente de direção no filme Corpos Invisíveis (2019) e Interiores (2019). Através do programa Juventude Empreendedora, criou o projeto Cinelab Infantil. (confirmada apenas do dia 07/03 sábado)

 

17h | Mostra de Dança

Teatro Angel Vianna

 

  • Yabá

Release: Feminina das águas férteis. Feiticeira que transforma as formas e encanta. Poder feminino da criação que dança a alquimia do mundo. Nova, velha, sábia mulher. Benção Yabá!

 

Serviço:

Linguagem: Dança

Duração: 15 minutos

Realização: NUDAFRO Cia de Dança Contemporânea da UFRJ – Direção: Tatiana Damasceno

 

  • Memórias de uma Maré Cheia / Thais Ayomide

Release: Preto é ‘ofò’, ‘ofò’ é palavra e palavra constitui memória. Esse é um trabalho sobre memórias, repito: ESSE É UM TRABALHO SOBRE MEMÓRIAS. Essa composição discute os processos de resiliência que o corpo negro constrói através da memória das nossas mães, utilizando a fotografia e a poesia como condutores na construção da dialética e ressignificando os processos acadêmicos que não contemplam o corpo preto. No palco unimos as narrativas de nossas mais velhas presentificadas em nossos corpos, corpos tambores, corpos gritos, corpos memórias…corpos poesias.

 

Serviço:

Linguagem: Dança

Duração: 20 minutos

Realização: Thais Ayomide

 

  • Deslocamento até o não tempo

Release: Deslocamento até o não tempo cria atravessamentos sob as possíveis óticas do tempo e sua ausência. A interação proposta dita as infinitas formas de se relacionar dentro de um tempo que pode ser súbito, esgarçado ou inexistente. Cria-se uma interdependência entre os corpos que imprimem suas particularidades um no outro gerando contrastes, tensões, delimitando espaços e estabelecendo conexões de afeto ou desafeto. Abordamos a percepção do presente como uma vivência real do instante em que nos conectamos com a experiência de um corpo que está constantemente estabelecendo relações com o espaço, com o tempo e com o outro.

 

Serviço:

Linguagem: Dança

Duração: 9 minutos

Realização: Juliana Angelo

 

  • A mulher e o simbólico

Release: A História fala sobre uma mulher que vem a procura de seu objetivo principal que é a dança e a Dança Afro, chegando ao local ela encontra vários problemas e tropeços mas, continua na sua batalha empreendendo na cultura afro através dos movimentos espontâneos pessoais e coletivos, valorizando e fortalecendo a auto estima; trazendo no Corpo a  Ancestralidade como traço civilizatório; estimulando seu empreendedorismo e dos participantes de suas aula; estabelecendo um espaço de troca de informações e construção de conhecimentos com seus parceiros.

 

Serviço:

Linguagem: Dança

Duração: 10 minutos

Realização: Eliete Miranda

DOMINGO – 08/03

11h30 às 16h | Credenciamento

Recepção

 

12h às 14h | Atividades de capacitação

Estúdio 1 – Palestra Captação Alternativa de Recursos

Release: A Palestra visa dar dicas básicas para quem tem uma ideia de negócio ou projeto mas não sabe como sair do lugar para realizar. A palestrante ensina, de maneira muito prática e dinâmica, como identificar e enfrentar problemas socioambientais, através de soluções criativas, e estimula o participante a sair do lugar para escrever o seu projeto e se planejar para captar recursos.

São 120 minutos de muitos insights e inspiração que fazem qualquer pessoa interessada, no mínimo, “sair da caixinha” e botar pra empreender.

Facilitadora: Raquel Motta

Graduada e licenciada em Pedagogia, pela UERJ, iniciou a sua carreira como produtora cultural, em 2002, onde trabalhou na realização de eventos de pequeno e grande porte. Foi Analista de projetos na CUFA – Central Única das Favelas, entre 2008 e 2010, e no mesmo período, Parecerista da Lei Estadual de Incentivo à Cultura do Rio de Janeiro. Atualmente é Blogueira e compartilhar conteúdos sobre artesanato sustentável, faça você mesmo e o seu estilo de vida como empreendedora para mais de 100 mil seguidores nas redes sociais. Raquel Motta é palestrante, no segmento de terceiro setor,  co-fundadora e coordenadora do Instituto Musiva, empresária, no ramo de artesanato e Consultora de projetos, sociais, culturais e esportivos, para instituições do terceiro setor e empresas privadas. Criadora e coordenadora, também, da Petit Biscuit, um negócio de impacto social que promove a confeitaria artesanal para estimular o afroempreendedorismo na Baixada Fluminense.

Raquel Motta, nasceu e foi criada na favela de Vigário Geral onde teve um encontro com a arte e a cultura, após passar pelo trauma da chacina ocorrida, no local, em 1993 e fez desse abalo emocional o principal e maior motivo para lutar pela transformação social no Brasil.

 

Midiateca – Whorkshop sobre Branding

Release:

Facilitador: ( à confirmar)

 

14h às 16h | Atividades de capacitação

Estúdio 2 – Workshop Danças Populares: corpo, terra e trabalho

Release: Vivência em danças populares a partir da pesquisa de movimento oriunda de manifestações que estabelecem suas construções artísticas e sociais baseada nas relações de trabalho.
Facilitadora: Jessica Lima, nome artístico Ibis Lima

É bacharela em Dança/UFRJ, cursando mestrado em Dança/UFRJ, atualmente é professora de dança da EJA EPSJV/FIOCRUZ. Atuou como bailarina intérprete da Companhia Folclórica do Rio – UFRJ (2012- 2018). Trabalhou como Arte- Educadora em projetos sociais nas comunidades da Mangueira e Salgueiro. Dentre os trabalhos de maior expressão estão os Festivais Internacionais de Folclore: Porto Alegre (2012); México (2013); Itália (2013); Polônia (2014).

Midiateca– Palestra sobre Gestão de Carreira

Release: Na roda de conversa “Gestão e Você”, Rafaela Bastos falará sobre suas experiências profissionais e como um olhar gerencial sobre nossas carreiras é importante. A dinâmica apresentará práticas e ferramentas facilitadoras para o seu gerenciamento de carreira.

Facilitador: Rafaela Bastos

Graduada em Geografia pela UERJ, especialista em Gerenciamento de Projetos pela FGV, Pós-Graduada em Economia Comportamental pela ESPM e Master em Branding – Istituto Europeo di Design/IED-Rio. Atua como geógrafa por mais de 13 anos, com experiências em sistemas de informações geográficas, análises espaciais e territoriais no setor energético para licenciamento ambiental. Na gestão pública, atuou com planejamento estratégico, portfólio e gestão de operação de cidade em governos. Nas Olimpíadas e Paralimpíadas coordenou o planejamento e a operação de conservação da cidade do Rio de Janeiro. Tem desbravado oportunidades de Branding para o setor público e, atualmente, como gestora pública, exerce a função de Economista Comportamental para Políticas Públicas coordenando os projetos da primeira Unidade de Nudge governamental do país, a NudgeRio.

Durante 23 Carnavais foi Passista e Musa da Mangueira e, nesta trajetória, apresentou programas de televisão, realizou seminários e rodas de conversa, foi colunista da Turma da Coluna do Ancelmo Góis, se tornou uma das referências na pauta sobre Feminismo e Carnaval, notadamente conversando sobre a objetificação da mulher passista, resultado de sua pesquisa embrionária, pela qual foi condecorada com a Medalha Rui Barbosa, um mérito para as personalidades que contribuem com a cultura do país. Hoje implementa o projeto de Branding na Estação Primeira de Mangueira, o qual desenvolveu em sua formação no IED-Rio.

 

12h às 16h | Feira de empreendedoras com apresentações artísticas

Loft

Empreendedoras Confirmados:

  • Expositor 01 : Ateliê Efeitos Viana – (Ana Carolina Viana + acompanhante)

Roupas bordadas em pedraria (https://www.instagram.com/p/B8O6i71lnWy/?igshid=13jjw128hnwu3)

  • Expositor 02 : Flora Cosméticos ( Aline + acompanhante)

A Flora Cosmética Artesanal é uma empresa que produz cosméticos com matéria-prima vegetal pura, sem adição de derivados de petróleos e sem a realização de testes em animais. Os produtos são liberados para todas as idades.

  • Expositor 03: Thaís Ribeiro (Thais Ribeiro e Luiza Ferrari)

Design apaixonada pelo universo das mandalas, trabalha com customização e personalização de objetos, paredes e criação de quadros inspirados em mandalas e elementos da natureza. Trabalha com materiais como : Caneca, Prints, Mdfs, Marca páginas, Adesivos, Cadernos

 

  • Expositor 04: ColetivA DELAS  (Sophia Prado  e Karla Soares)

A ColetivA DELAS é um Hub criativo que atua desde 2016 para inspirar, conectar e gerar oportunidades profissionais para mulheres e LGBTs, através da produção de eventos, do audiovisual e do estímulo ao empreendedorismo feminino. Criamos redes de colaboração com o objetivo de alinhar ideias potentes e transformá-las em projetos que contribuam para a inclusão, a diversidade e a equidade de gênero. Estamos em desenvolvendo do FREELAS, uma plataforma online que conecta, de forma descomplicada e segura, quem deseja contratar serviços prestados por mulheres da economia criativa a essas profissionais. Nessa rede de estímulo ao empreendedorismo feminino, realizamos encontros para compartilhar experiências, incentivar parcerias e, coletivamente, desenvolver soluções criativas.

  • Expositor 05: Saranauê (Kora)
    A Saranauê é uma produtora de eventos culturais que trabalha fortalecendo as potências territoriais, incentivando o consumo, conectando os empreendedores e criando oportunidades para artistas periféricos.

 

*Essa expositora é dj, vai ficar tocando músicas enquanto não rola atividades da feira
Expositor 06: Kinah Boutique Afro (Mirian dos Anjos)
Marca de vestuário feminino e masculino, fundada em outubro de 2018. Comercializamos roupas feitas em tecidos africanos, com uma nova proposta de moda afro. Com corte e desenhos diferenciados.

  • Expositor 07: Moouve

Somos uma plataforma que visa criar empatia e movimentos para mulheres

Expositor 08: DNA

 

Atrações:

 

  • 14h às 14h10 – Fala sobre o Coletiva Delas e Freelas ( empresa de uma das expositoras)
    Uma fala para falar o que é a plataforma e convocar a todas a conhecer mais indo ao stand

 

 

  • 14h15 – Apresentação Artística – Aquilo que eu nunca te disse com Hágata Pires

 

Sinopse: Aquilo que eu nunca te disse é uma performance autoral e coletiva dentro de uma mesma perspectiva. Tratamos de memórias e vivências coletivas de mulheres negras. A partir do livro Insubmissas lágrimas de mulheres, percebemos as repetições e desvios dessas vivências e buscamos nelas, nossas perspectivas para essas experiências. O trabalho se divide em três partes, neste evento apresentaremos a segunda parte que chamamos “percepção”. A pergunta disparadora é “qual a razão para silenciarmos nossas vivências?”.

Serviço:

Linguagem: Performance

Duração: 10 minutos

 

Currículo resumido

Hágata Pires é bacharel em Dança pela UFRJ, mestre em sociologia pela UBI (universidade da Beira Interior /Portugal). Artista independente e pesquisadora do corpo, suas influências passam pela dança teatro na da Cia de Atores e bailarinos Adolpho Bloch, pelo funk como performance através do trabalho desenvolvido no núcleo de MobiCatena, na dança contemporânea, destacando o trabalho supervisionado “poética do fluxo”, supervisionado por Maria Alice Poope. Atualmente pesquisa a dança popular como performance artística.

 

  • 14:30 às 15h10 – O Empoderamento da Mulher no mercado da Educação Física: da escola à sociedade. Participantes – Bianca Roxo, Danielli Mello, Márcia Albergaria, Rossana Plugliese, Sheila Duarte, Fernanda Maia )

 

 

  • 15h20 às 16h – Pocket Show com krika – apresentação de música

 

Com a música transpirando por seu poros, Krika se faz presente nos palcos desde aos 16 anos, quando mostrou seu talento no programa Caldeirão do Hulk. Depois disso, aos 18 brilhou no festival de novos talentos (Niterói) e em 2019 com 20 anos entrou para Saranauê, onde se tornou artista volante com foco de levar sua voz inigualável para todos os deste mundo

 

14h às 16h | Exibição de produção audiovisual com rodas de conversa sobre os temas abordados

Sala Multiuso 

Debates conduzidos pelo olhar de mulheres marcantes no cenário das artes do Rio de Janeiro na condução da criação de trabalhos concebidos entre as linguagens do cinema e da dança.

Nomes confirmados: Katya Gualter – Diretora da Escola de Educação Física e Desporto da UFRJ. Doutora em Artes da Cena pela UNICAMP e Mestre em Tecnologia Educacional pela UFRJ. Apresentará parte da pesquisa “Poéticas no cotidiano sob olhares de Pomba-Gira: experimentações corpo-câmera”.

Taíla Borges: Estudou  Eventos e Produção Cultural na Escola Técnica Estadual Adolpho Bloch, Dança na UFRJ e Cinema na Escola Darcy Ribeiro. Na área do audiovisual produziu videodanças, videomappins e alguns curta-metragens, especializando-se também em videografismo e estudos cinematográficos.

 

16h | Mostra de Dança

Teatro Angel Vianna

  • Yabá

Release: Feminina das águas férteis. Feiticeira que transforma as formas e encanta. Poder feminino da criação que dança a alquimia do mundo. Nova, velha, sábia mulher. Benção Yabá!

 

Serviço:

Linguagem: Dança

Duração: 15 minutos

Realização: NUDAFRO Cia de Dança Contemporânea da UFRJ – Direção: Tatiana Damasceno

 

  • Memórias de uma Maré Cheia

Release: Preto é ‘ofò’, ‘ofò’ é palavra e palavra constitui memória. Esse é um trabalho sobre memórias, repito: ESSE É UM TRABALHO SOBRE MEMÓRIAS. Essa composição discute os processos de resiliência que o corpo negro constrói através da memória das nossas mães, utilizando a fotografia e a poesia como condutores na construção da dialética e ressignificando os processos acadêmicos que não contemplam o corpo preto. No palco unimos as narrativas de nossas mais velhas presentificadas em nossos corpos, corpos tambores, corpos gritos, corpos memórias…corpos poesias.

Serviço:

Linguagem: Dança

Duração: 20 minutos

Realização: Thais Ayomide

 

  • Deslocamento até o não tempo

Release: Deslocamento até o não tempo cria atravessamentos sob as possíveis óticas do tempo e sua ausência. A interação proposta dita as infinitas formas de se relacionar dentro de um tempo que pode ser súbito, esgarçado ou inexistente. Cria-se uma interdependência entre os corpos que imprimem suas particularidades um no outro gerando contrastes, tensões, delimitando espaços e estabelecendo conexões de afeto ou desafeto. Abordamos a percepção do presente como uma vivência real do instante em que nos conectamos com a experiência de um corpo que está constantemente estabelecendo relações com o espaço, com o tempo e com o outro.

 

Serviço:

Linguagem: Dança

Duração: 9 minutos

Realização: Juliana Angelo

  • A mulher e o simbólico

Release: A História fala sobre uma mulher que vem a procura de seu objetivo principal que é a dança e a Dança Afro, chegando ao local ela encontra vários problemas e tropeços mas, continua na sua batalha empreendendo na cultura afro através dos movimentos espontâneos pessoais e coletivos, valorizando e fortalecendo a auto estima; trazendo no Corpo a  Ancestralidade como traço civilizatório; estimulando seu empreendedorismo e dos participantes de suas aula; estabelecendo um espaço de troca de informações e construção de conhecimentos com seus parceiros.

 

Serviço:

Linguagem: Dança

Duração: 10 minutos

Realização: Eliete Miranda


Link de inscrições: http://bit.ly/festivalmulheres

Ficha Técnica: Organização – CIEDS e Centro Coreográfico

 

Serviço: Festival Mulheres Empreendedoras 

Data: 7 e 8 de março 

Horário: 9h às 20h

Valor do Ingresso: Gratuito

Local de venda: inscrições online do site do CIEDS para oficinas e ingresso gratuito para espetáculos https://www.sympla.com.br/festival-mulheres-empreendedoras__786030?fbclid=IwAR3Ngs3LQf0QgvG1G-iYot-pWCTxxrvHkrkex1nlw0qyOe3sYHbh37pRaOs

Classificação: Livre

Duração: 2 dias
Publicidade

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s