PROGRAMAÇÃO

novembro_2017_final

PROGRAMAÇÃO NOVEMBRO

 

Aproximações coreográficas: D.O.A. Dança e outras Artes | Grupo Arkhétypos

GOSTO DE FLOR | Grupo Arkhétypos (RN): O Grupo Arkhétypos teve início em março de 2010, como projeto de pesquisa e extensão da UFRN, sob a coordenação do Prof. Dr. Robson Haderchpek. Em junho de 2010 o Grupo estreou o seu primeiro espetáculo “Santa Cruz do Não Sei” que ficou em cartaz por dois anos se apresentando em Natal, em João Pessoa e Porto Alegre. Em maio de 2013 o Grupo estreou o seu segundo espetáculo “Aboiá”, prêmio Myriam Muniz de Teatro (2012), com temporadas em Natal, João Pessoa e Viena/Áustria. O terceiro espetáculo do Grupo, “Revoada” (2014) fez temporadas em Natal, Goiânia e Viena/Áustria. Em junho de 2015 o Grupo estreou o seu quarto trabalho “Fogo de Monturo”, dirigido pela Profª. Drª. Luciana Lyra (UERJ). Em fevereiro de 2017 o Grupo estreou “Amareelos” com direção de Nadja Rossana e em maio de 2017 o estreou o “Éter”. Em junho do mesmo ano estreou o espetáculo “Gosto de Flor”, produção mais recente do Grupo com direção da Profª Lara Rodrigues Machado (UFBA).

Direção Geral: Lara Rodrigues Machado

CorpoAr | D.O.A. Dança e outras artes (RJ): A companhia D.O.A. nasce a partir de um projeto de pesquisa do Departamento de Arte Corporal – EEFD da UFRJ. Tendo por objetivo a investigação sobre a construção de diferentes qualidades gestuais, em seu primeiro ano nasce o espetáculo de dança contemporânea intitulado "O²", apresentado em eventos acadêmicos e no Teatro Cacilda Becker. De marca eminentemente prática, a pesquisa baseia-se numa metodologia teórico-prática a partir de um pensamento que objetiva unir a teoria, o ensino e a prática de Dança. Neste sentido busca-se aproximar a prática de aula e a criação artística a partir da ideia de que o ato de dançar não separa o ato criativo do ato técnico, sobretudo, quando regido pelo pensamento de que o fazer na dança é imbuído de um engajamento sensível, físico e criativo. A escolha das abordagens e práticas corporais não somente se limitaram a preparação corporal do intérprete, mas forneceram o elemento temático da composição artística: a respiração.

Direção Geral: Lara Seidler

Valor:  R$20 (inteira) e R$10 (meia)

Data: 03, 04 e 05 de novembro de 2017

Horários: Sexta e Sábado 20h e domingo 18h

Local: Teatro Angel Vianna

Classificação: 14 anos

 

II SEMINÁRIO INSTÂNCIAS DA DANÇA-EDUCAÇÃO

O Seminário Instâncias da Dança-educação traz a proposta de fomentar as discussões sobre este campo no Rio de Janeiro, a partir de temas e relatos de experiências, perspectivas e propostas de educadores em dança em diferentes sistemas de ensino em uma parceria do Curso Técnico em Dança da Rede FAETEC e da Companhia de Atores Bailarinos Adolpho Bloch com o Centro Coreográfico da Cidade do Rio de Janeiro. Nesta segunda edição do seminário, serão abordados temas voltados para as questões raciais, da pessoa com deficiência e seus processos de inclusão neste campo. Nossa proposta de cronograma abarca uma mesa redonda pela manhã com participação de diferentes profissionais compartilhando o desenvolvimento de suas pesquisas, ações e experiências. Após as falas de cada integrante da mesa, abriremos para debates com os participantes presentes. Iniciaremos a parte da tarde com a divisão dos participantes em grupos de trabalhos que articulem um tema preponderante do debate e encerraremos o dia com um momento de compartilhamento das discussões e organização de um grupo de trabalho permanente. O seminário será a culminância de uma semana prática de compartilhamento da Companhia e dos coreógrafos do Ballet de San Luis, México.
Direção Geral: Rosane Campello

Programação:

  • Oficina Metodologia de Barro Rojo
    Trabalhando sob a metodologia própria através de uma proposta formativa da técnica contemporânea, a Companhia Barro Rojo Arte Escénico (BRAE) formou gerações de dançarinas no México. O trabalho parte de critérios e necessidades artísticas e expressivas, visando propiciar uma experiência que procurará dar uma amostra da pesquisa realizada na companhia, focada na concessão de ferramentas alternativas que podem ser combinadas com o desenvolvimento do dançarino contemporâneo.
    Ministrante: Maestro Francisco Illescas
Data:07, 08 e 09 de novembro de 2017
Horário: 16h às 18:30
Classificação: Livre
Vagas: 15
Valor: GRATUITO
Inscrições no site do Centro Coreográfico
Obs: Os inscritos devem estar presentes nos três dias de oficina. 

 

  • Debates e conversas
Data: 09 de novembro de 2017
Horários: 9:30h
Classificação: Livre
Valor: GRATUITO

FLYING – The underground show | The flying room

O Pole dance, assim como outros estilos de dança vivenciaram, encontra dificuldades para obter o reconhecimento e respeito, arte, entretenimento ou até mesmo atividade física. Antes de serem abraçados pelo meio artístico, estilos de dança como o ballet, a salsa, o tango e, especialmente, a famosa dança do ventre, eram danças associadas à sexualidade e a luxúria, sofrendo assim enorme criticismo durante anos.  Flying -The underground show foi feito com o intuito de apresentar a arte que criamos quando estamos em interagindo com um Pole. Apesar da paixão por essa dança, para alguns de seus praticantes, por motivos profissionais e até mesmo familiares, sua exposição é algo proibido e impensável, por isso, este não deixa de ser nosso universo underground. Desejamos sair do imaginário popular das casas noturnas e trazer um novo e variado ponto de vista. Não renegamos o sexy, mas também podemos ser líricos, esportivos, contemporâneos, etc.   Nos dias 10 e 12 haverá uma mostra dos alunos e profissionais do  The Flying Room, com participação de alunos dos estúdios Le Pole e Pole & Arte. O The Flying incentiva a todo instante a criação artística de seus alunos, oferecendo inclusive horários gratuitos de ensaio durante todo o ano. The underground show, é a oportunidade de apresentação do universo particular de cada um deles.    No dia 11 apresentaremos um pouco da história do pole dance com a Cia The Flying Room, mostrando desde os primórdios das tribos aficanas, até os dias de hoje.
Direção: Karen Cruz

Duração: 120 minutos
Valor: R$40 (inteira) e R$20 (meia)
Data: 10, 11, 12 de novembro de 2017
Horários:  Sexta e Sábado às 19h e Domingo às 17h
Local: Teatro Angel Vianna
Classificação:Livre

V WORKSHOP DE DANÇA MODERNA

Inscrições e informações: contato@dancamoderna.com.br
Direção Geral: Andreia Raw

Programação

Data: 14 a 19 de novembro de 2017

09:30 às 11:00 – Técnica de Lester Horton com Andrea Raw

11:00 às 12:30 – Técnica de Nina Verchinina com Martha Blanco

14:00 às 15:30 – Técnica de Martha Graham com Andrea Raw

15:30 às 17:00 – Composição Coreográfica com Julita Machado

Local: Teatro Angel Vianna

Classificação: 14 anos

 

OCUPAÇÃO CIA CLANM – 20 DE NOVEMBRO

Programação:

  • Espetáculo
    Silva | Clanm Cia de Dança
    No próximo dia vinte de novembro estreia “Silva” o mais novo espetáculo da Cia. Laboratório de Arte Negra em Movimento – Clanm. O grupo carioca citado no último livro publicado em vida pelo historiador Joel Rufino dos Santos “A História do Negro no Teatro Brasileiro” já se apresentou no Chile e Argentina e em sua nova montagem recorre à mitologia afro-brasileira ao se inspirar no Orixá Tempo para abordar as “identidades coletivas e difusas” ligadas às grandes tragédias humanas. Assim entram em cena referências aos jovens, negros, pobres, desaparecidos, mulheres e LGBTQIA’s além de uma reflexão sobre os dados alarmantes de mortalidade dessas populações ao redor do mundo. O que move a ação dramática são as perguntas: “Para onde vão os nossos Silvas? E por que somem nessas condições? ” A peça é resultado de um intercâmbio artístico realizado em 2017 com a Rumo Cia. de Dança da cidade de Volta Redonda (RJ) e contou com a preparação corporal dos coreógrafos Mário Nascimento (MG) e Zebrinha (BA). O projeto de intercâmbio faz parte do Programa Territórios Culturais / Favela Criativa da Secretaria de Estado de Cultura em parceria com a Light e a Agência Nacional de Energia Elétrica. O elenco promete surpresas para o seu público pois trará para cena, além da dança, música ao vivo e um trabalho de voz realizado pela cantora e compositora Laura Canabrava (RJ) além da consultoria em produção musical do coletivo de produtores Fábrica Nômade Sonora e da ETNOHAUS. A trilha da peça conta ainda com composições de Carlos Negreiros (RJ), Luiz Melodia (RJ), Kiko Dinucci (SP), Almir Guineto (RJ) interpretadas nas vozes dos bailarinxs-intérpretes mas também nas de Luiza Liam (SP) e Karol Conka (PR).
    Direção Geral: Fábio Batista
Duração: 50 minutos
Valor: R$30 (inteira) e R$15 (meia)
Data: 20 de novembro de 2017
Horário: 19 horas
Local: Teatro Angel Vianna
Classificação: Livre
  • Vídeo Instalação SECO
    A relação simbólica traçada entre a pesquisa “Pele” e a aridez do deserto se refere às ausências, carências e lacunas do ser humano. Assim os intérpretes bailarinos dramatizaram suas idiossincrasias relacionando-as ao cenário inóspito da solidão desértica. A poética da instalação gira em torno da busca humana por um ideal de beleza que homogeniza a superfície da pele, apagando sua história através da cosmética.
    Sobre a locação em que ocorreram as filmagens:
    As Fábricas de Nitrato do Chile de Humberstone e Santa Laura localizam-se no norte do Chile, a 18 km da cidade de Iquique, no deserto de Atacama, na região de Tarapacá. Foram declaradas Património Mundial da UNESCO em 2005. As “cidades fantasma” são atualmente o principal reflexo do período de esplendor e contrastes que viveu na região entre o final do século XIX e início do século XX. Santa Laura, em seu melhor período, tinha uma população de 425 habitantes, enquanto Humberstone ultrapassou 3.500.
    Sobre o conteúdo literário: Tratam-se de contribuições da pesquisadora Denise Sant’Anna. Professora livre-docente da PUC-SP nos Programas de pós-graduação de História e Psicologia Clínica. Doutorou-se em História das Civilizações Ocidentais na Universidade de Paris 7 e obteve pós-doutorado na École des Hautes Etudes en Sciences Sociales (França). Foi professora convidada da EHESS em 2000-2001 e 2007. Foi professora convidada do Erasmus Mundus PhoenixEM Dynamics of Health and Welfare de 2008 a 2009. É pesquisadora 1 do CNPq e publicou vários livros, entre os quais: Políticas do Corpo (Estação Liberdade, 2001), Corpos de Passagem, ensaios sobre a subjetividade contemporânea (Estação Liberdade, 2001), Cidade das águas (Senac, 2007) e inúmeros artigos sobre as relações entre o corpo e a cultura contemporânea.
Data: 20 de novembro de 2017
Classificação: Livre
Entrada Gratuita
Local: Galeria

II FÓRUM DE DANÇA E CULTURA AFRO-BRASILEIRA

O Núcleo de Pesquisa em Dança e Cultura Afro-Brasileira do Departamento de Arte Corporal da UFRJ em parceria com o Centro Coreográfico da Cidade do Rio de Janeiro, local que abriga o evento, realiza nos dias 22, 23, 24, 25 e 26 de novembro, o “II Fórum de Dança e Cultura Afro-Brasileira”. A data do evento não foi escolhida ao acaso: o seu desenvolvimento coincide com a Semana da Consciência Negra. O II Fórum tem como objetivo fomentar discussões relativas às construções artísticas e pesquisas desenvolvidas na contemporaneidade por criadores e educadores autores de trabalhos e projetos focados no universo cultural negro diaspórico e africano. Pensadores, músicos, artistas visuais, dançarinos de danças tradicionais, bailarinos, acadêmicos, atores, diretores de cena, coreógrafos, gestores e demais interessados na produção, difusão e visibilidade das culturas tradicionais afro-ameríndias terão a oportunidade de dialogar com os convidados do II Fórum, como por exemplo, os professores titulares, Júlio Tavares (UFF) e Zeca Ligiéro (UNIRIO), sobre temas que transitam pelos estudos culturais; religiosidade; cultura corporal; interação social; diversidade; racismo; discriminação; educação; práticas performativas; entre outros. O evento, que acontece de 13h às 21h (domingo de 15 às 18h), será composto por palestras, mesas-redondas, apresentações de vídeos, performances, espetáculos de dança, oficinas e conversas literárias. Os espetáculos acontecem todos os dias (quarta e quinta às 19h e sexta e sábado às 20h) e serão realizados pelos grupos NUDAFRO – Cia. de Dança Contemporânea da UFRJ, Cia. Douglas Rodrigues e o Coletivo MUANES Dançateatro. No domingo às 17h ocorre a mostra dos trabalhos artísticos elaborados nas oficinas.  O evento conta ainda com as parcerias: EEFD –Escola de Educação Física e Desportos/UFRJ; Grupo PADE – Pesquisa de Africanidade na Dança-Educação – UFRJ; Grupo PECDAN (PEsquisa em Cinema e DANça) – UFRJ; NEPAA- Núcleo de Estudos das Performances Afro Ameríndias – UNIRIO; LEECCC -Laboratório de Etnografia e Estudos em Comunicação, Cultura e Cognição – UFF; MUANES –  Coletivo Muanes Dançateatro – UFF. Patrocínio: Fórum de Ciência e Cultura – Programa de Apoio às Artes – Garin /UFRJ. A entrada e franca exceto para os espetáculos: R$ 10 inteira e R$ 5 meia.
Direção Geral: Tatiana Damasceno

Valor: Gratuito, espetáculos: R$10
Data: 22 a 26 de novembro de 2017
Horários: Quarta a Sábado às 13h, Domingo Às 15h
Local: Teatro Angel Vianna, Loft, Estúdios e Sala de Vídeo
Classificação: Livre

Programação disponível em: https://www.facebook.com/events/492817847757319/

CRIA | Grupo Suave

“CRIA” é o novo trabalho da coreógrafa Alice Ripoll com o grupo Suave. Após o sucesso do seu espetáculo homônimo de estreia, o segundo trabalho do grupo traz para o palco uma verdadeira mistura de estilos, amarrados pelo olhar contemporâneo da coreógrafa. A pesquisa de um ano culminou em uma linguagem hibrida inovadora e que construiu corpos capazes de expressar a ginga da dança nascida nas favelas, o virtuosismo do passinho, o questionamento e a teatralidade da dança contemporânea. O trabalho passeia pela dança afro, o afrofunk, o passinho, a dancinha, o contato e improvisação, e por uma elaborada pesquisa sonora.  No transcorrer das cenas de CRIA, o público pode sentir a busca pela força criadora que mantém o desejo de estar vivo e se movimentando. “Desde o início do grupo, nossos processos falam de estar aberto a se modificar através do contato com os outros. Isso gerou uma força muito intensa que se manifesta nas cenas de conjunto, isso é maior do que qualquer coreografia ou técnica”, afirma Alice.
Direção: Alice Ripoll

Duração: 50 minutos
Data: 30 de novembro e 01, 02, 03 de dezembro de 2017
Horário: Quinta a Sábado 20h e Domingo 18h
Valor: R$20 (inteira) e R$10 (meia)
Local: Teatro Angel Vianna
Classificação: 14 anos
Anúncios

22 thoughts on “PROGRAMAÇÃO

  1. Como podemos nos inscrever para participar do congresso brasileiro de dança moderna?

    1. Olá ELizabeth,

      Para inscrever-se no Congresso Brasileiro de Dança Moderna, entre no site: congressodancamoderna.com.br/inscricoes/

      Atenciosamente,

      Centro Coreográfico

      1. Podemos fazer inscrição no próprio Centro Coreográfico nesta quarta dia 23?

        obrigada,

        Elizabeth

        Em 11 de julho de 2014 17:36, “Centro Coreográfico da Cidade do Rio de

      2. Olá Elizabeth,

        As inscrições para o IV Congresso Brasileiro de Dança Moderna são feitas pela produção do evento.
        Entre em contato e obtenha informações através do site: http://www.congressodancamoderna.com.br

  2. elizabeth quirino barros 23 de julho de 2014 — 6:44

    posso fazer minha inscrição a no evento? já estou chegando ai no rio de janeiro.

  3. Fiz minha inscrição para as oficinas que serão oferecidas em Setembro. Quando sai o resultado?

  4. Olá! Meu nome é Josie e gostaria de saber como eu faço pra conseguir uma sala pra o meu grupo de dança (Grupo Meu Talento – Anitta Cover). Estamos precisando de um lugar fixo pra ensaiar e me indicaram vocês.

    1. Prezada Josie,

      Semestralmente abrimos uma Convocatória para residência de artistas e cias.Fique atenta a abertura da convocatória através do blog e inscreva-se!

      Atenciosamente,

      Centro Coreográfico

  5. Gostaria de ver uma apresentação neste sábado dia 4/10 tenho de comprar os ingressos hoje ou amanhã eu consigo comprar na hora.? obrigada

    1. Olá Helena,

      O espetáculo de hoje pode ter o ingresso comprado na hora.Nossa bilheteria está aberta a partir das 16h.

      Atenciosamente,

      Centro Coreográfico

  6. Boa tarde
    gostaria de saber se vocês já tem a data ou previsão do Congresso brasileiro de dança moderna, para este ano?
    Desde já agradeço!

  7. Boa tarde
    gostaria de saber se vocês já tem a data ou previsão do Congresso brasileiro de dança moderna, para este ano?
    Desde já agradeço!

    1. Olá Ruan, boa tarde

      Não temos previsão para o Congresso deste ano.

      Atenciosamente,

      Centro Coreográfico

  8. hmm =/
    Sem previsão, mas vocês podem afirmar se esse ano ainda tem?

  9. Olá, como devo fazer para participar das palestras oficios da dança?

    1. Boa tarde Adriana,

      É só chegar um pouco antes de começar e assistir!

      Att;

  10. Clara braga de Albuquerque 13 de maio de 2016 — 21:52

    Boa noite, gostaria de saber se existe algum projeto com ballet? Eu já fiz por alguns anos e não estou achando nenhuma academia ue caiba na minha renda.. obrigada

    1. Olá Clara!
      O Centro Coreográfico oferece oficinas gratuitas.
      A principio, não consta em nossa pauta nenhuma oficina de Ballet.
      Mas fique de olho em nosso blog e Facebook para mais novidades!

    2. Boa noite!

      Como devo proceder para inscrever meu grupo para participar de um curso de dança moderna? Somos 7 pessoas e gostaria de saber se podemos nos alojar no centro coreográfico nos dias: chegada dia 08 de julho, saída dia 11 de julho; chegada dia 22 de julho, saída dia 25 de julho. O curso de Dança Moderna será promovido pela Sra Andreia Raw. Somos de Goiânia- Goiás e gostaríamos muito de fazer. Poder nos ajudar?

      desde já agradeço sua atenção,

      Jéssica Ribeiro

      Em 17 de maio de 2016 16:47, “Centro Coreográfico da Cidade do Rio de

  11. Olá como eu consigo uma sala para o meu grupo?

    1. Olá Matheus,

      A residência se dá através de editais de convocatória.
      Aguarde a abertura do próximo e inscreva sua companhia!

  12. Olá Jessie! O Centro Coreográfico não aluga seus espaços. Envie sua proposta para cco.culcutapresente@gmail.com e veremos o que será possível!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto:
search previous next tag category expand menu location phone mail time cart zoom edit close